Cuidados com a pele do idoso

Cuidados com a pele do idoso

Cuidados com a pele do idoso

Sabemos que os idosos precisam de atenções especiais, pois devido a idade acabam apresentando certas limitações cognitivas e motoras que podem prejudicar a sua saúde caso sejam negligenciadas. E a pele do idoso, sendo o maior órgão do corpo humano, necessita de cuidados redobrados nessa idade, por ser uma das partes do corpo humano que mais ficam expostas ao calor, frio e outras adversidades. Além disso, possui áreas muito sensíveis que costumam ser muito negligenciadas não só pela terceira idade como também por outras faixa etárias.

Então vamos conferir algumas dicas úteis na hora de cuidar da pele das pessoas da terceira idade.

Higiene Corporal

Uma pele saudável requer limpeza, proteção e hidratação. Esses são os três pilares para um cuidado eficaz da pele e devem ser feitos diariamente, mantendo uma rotina de higiene.

Caso a limpeza seja feita na cama, é necessário dividir o trabalho por diferentes zonas corporais seguindo esta ordem:

  1. Pescoço;
  2. Tronco;
  3. Braços;
  4. Axilas;
  5. Pernas;
  6. Costas;
  7. Pés;
  8. Genitália;
  9. E região perianal.

É importante ir secando o idoso de forma imediata a fim de evitar que sinta frio e destinar especial atenção nas zonas com dobras, secando sem esfregar e certificando-se de que não fiquem úmidas para evitar possíveis infecções.

É muito recomendado que os idosos façam atividades físicas ou, ao menos, tenham acesso ao ar livre recebendo vitamina D e gerando outros benefícios para a saúde física e mental. Pensando nisso, o protetor solar é de extrema importância para evitar queimaduras ou até mesmo o câncer de pele.

O protetor solar deve ser passado em todas as áreas que ficam expostas ao sol, sendo importante tomar um cuidado especial com o rosto, onde a pele é mais fina e um protetor específico para essa área do corpo possa se tornar necessária para uma proteção mais eficaz.

Por último, mas não menos importante, é recomendável usar cremes aptos para manter a hidratação do corpo. Dependendo do tipo de pele do idoso, cremes mais pesados para peles ressecadas são uma boa opção para manter a hidratação do corpo.

Cuidados da pele do Idoso

A pele do idoso se torna cada vez mais frágil, mais seca e menos elástica com o passar do tempo. Por isso, é importante prestar muita atenção nos idosos que permanecem muito tempo na cama, já que a pouca mobilidade impede maior circulação do sangue deixando aparente algumas lesões na pele chamadas de “escaras”.

Para prevenir essas lesões bem como outros problemas de saúde, devem ser feitas mudanças na postura do idoso a cada duas ou três horas para permitir maior mobilidade. Outros cuidados importantes para levar em conta no cuidado da pele são:

– Evitar água muito fria ou muito quente na hora de realizar a higiene pessoal;
– Usar sabonete neutro como o de glicerol;
– Evitar longas exposições ao sol e usar proteção solar;
– Beber aproximadamente 2 litros de água para manter uma boa hidratação;
– Investir em roupas de algodão para não irritar a pele do idoso.

Além desses cuidados especiais, é sempre bom ouvir do próprio idoso como ele se sente, onde sente dor e outras sensações incômodas que ele possa estar sentindo.

Negligenciar suas reclamações podem causar problemas que devem ser evitados tanto em sua saúde física quanto mental. Por isso, esteja atento aos sinais que o corpo dá bem como esteja sempre pronto para ouvir e atender as necessidades que estiverem ao seu alcance.


Gostou desse artigo? Veja mais:

3 passos para cuidar dos idosos

A atenção que os idosos merecem