Rotina dos idosos e cuidados em dias frios

Rotina dos idosos em dias frios

A terceira idade demanda de uma rotina com cuidados especiais, principalmente em dias frios.

Aprenda os principais cuidados com os idosos em dias frios.

A rotina dos idosos e cuidados em dias frios requer mais atenção do que o normal. As atividades que exercem no dia a dia se tornam mais complicadas de serem realizadas devido a limitações que são acarretadas com a idade. Esses cuidados devem ser redobrados em dias mais frios.

Quando a temperatura cai é importante certificar que o idoso se mantenha aquecido e saudável, pois corre um risco maior de desenvolver problemas como: hipotermia, queimaduras na pele, infecções e aumento de dores crônicas.

Confira as dicas do Cantinho Fraterno para evitar esses problemas e ajudar a reduzir o impacto do frio na saúde de idosos.

Roupas e agasalhos

A temperatura corporal do idoso é diferente

O idoso tende a ter temperaturas mais baixas do que adultos e jovens. Portanto, o primeiro ponto é mantê-lo aquecido. Providencie todo tipo de roupas e agasalhos para a proteção para uso em casa, em salas frias e para passeios em ambientes ao ar livre.

Certifique-se de cobrir todas as partes do corpo utilizando:

  • Toucas,
  • Mantas
  • Cachecol ou echarpe
  • Luvas
  • Meias

E lembre sempre de perguntar para o idoso se ele está bem agasalhado e se não está sentindo frio.

Uso de cobertores

Durante o período de sono há um declínio da temperatura corporal. Por isso é importante usar cobertores que retenham calor e se certificar de que o idoso está se sentindo quente e confortável.

Alimentação especial

A alimentação do idoso deve ser acompanhada de perto e requer mais atenção em dias frios.

Isso é tão importante quanto o uso de roupas adequadas. Priorize bebidas quentes e alimentos que aumentem a imunidade do idoso. Em épocas de baixas temperaturas, a tendência a resfriados e outros vírus aumentam. Para evitá-los,  providencie bebidas quentes como:

  • Chás
  • Chocolate quente
  • Sopas
  • Caldos

Opte também por alimentos que sejam fontes de obtenção de nutrientes para reforçar a imunidade como:

  • Atum,
  • Sardinha
  • Salmão
  • Gema de ovos
  • Bifes de fígado
  • Cogumelos (que também são ricos em vitaminas)

Esteja atento à dieta e as restrições alimentares do idoso oferecendo apenas aquilo que estiver dentro de sua dieta para manter uma alimentação balanceada.

 

Higiene faz parte da rotina

Banhos em temperaturas amenas são excelentes para aquecer o idoso

Independente do clima, o banho é algo que carece de muita atenção. Os idosos têm a pele mais fina, então é necessário certos cuidados com a pele do idoso.

É muito importante que a higienização seja feita da maneira correta, com banhos rápidos e temperaturas amenas nos dias mais frios. Evite que a água esteja muito quente, isso pode provocar irritações e queimaduras na pele.

Existem cuidados diferentes para idosos acamados que não tem autonomia e de idosos que conseguem realizar sua higiene pessoal sozinhos.

 

Hidratação da pele

A hidratação da pele também deve fazer parte da rotina dos idosos e cuidados em dias frios

A hidratação é importante para evitar ressecamentos e outros tipos de problemas cutâneos.

É recomendado sempre o uso de hidratantes tópicos para diminuir a sensação de pele seca.

Em caso de reposição de vitamina D pela falta de exposição ao sol é necessário, antes de mais nada, ser orientada por nutricionistas ou médico assistente.

 

Realizar atividades físicas

Inclua na rotina do idoso e o incentive a realizar atividades “indoor”

Incentive o idoso à se alongar e passear em locais mais abertos e arejados, pois ajuda a quebrar o ciclo da imobilidade.

Em tempos de Covid-19, onde a recomendação é ficar em casa, é possível utilizar espaços como quintais e fazer exercícios de alongamento seguindo a orientação de professores de educação física ou fisioterapeutas.

Tomar as vacinas e realizar visitas ao médico

Devido às baixas temperaturas o sistema imunológico tende a diminuir a resistência. Por isso é importante se prevenir tomando vacinas contra gripe e se atentando para os cuidados  contra a pneumonia.

Busque ajuda médica se o idoso apresentar sintomas de confusão mental e calafrios, ou dificuldades respiratórias e marque visitas regulares para que possam ser feitos check ups para monitorar a saúde.

Não deixe de conferir outros artigos para ampliar os cuidados com os idosos.

 

Abrir Whatsapp
💬 Olá!
Olá 👋
Ajude nossos velhinhos 👴🏻👵🏻
Alguma dúvida? Fale Conosco!